//

sexta-feira, 16 de junho de 2017

De casa de pescadores e a uma charmosa casa de família

Essa pequena casa, já foi de pescadores, e atualmente foi toda renovada para que uma família pudesse viver ali com conforto e tranquilidade,






















Fonte: Elmueble


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Terraço apaixonante

A gata Kitty Miu foi a primeira perceber que seria aqui a morada Martha e sua filha Ines, com a luz do sol iluminando todos os ambientes da casa. Mas foi o terraço que chamou a atenção de Martha, ela conta que o apartamento em si era pequeno, mas o terraço acabou compensando os espaços internos da casa. Martha termina dizendo que  "Queria uma casa confortável e fácil de usar"













Fonte: Elmueble



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Apê de um artista

No charmoso bairro de Surry Hills em Sydney, mora o artista Guy Maestri e o seu apartamento é o nosso destaque de hoje, com uma incrível coleção de obras de artes, objetos vintage e detalhes que impressionam, deixa esse lar excepcional. O melhor de tudo, essa beleza de lugar está para locação.
















                                                                Fonte: www.domain.com.au
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Um espaço apenas para mulheres

Inaugurado em outubro de 2016 em um histórico prédio próximo ao Gramercy Park, em NY, o The Wing é inovador: foi todo montado por mulheres e é exclusivo para elas. Aberto de segunda a sábado, ele funciona como um grande espaço de trabalho e também para eventos, com um café, biblioteca, sala de conferência, espaços para reuniões (só pode entrar mulher!) e mesas compartilhadas, salão de beleza (com produtos da Glossier) e o locker room mais bacana que você já viu. Para se juntar aos outros 650 membros (ao custo de US$ 215 dólares mensais) é preciso esperar a chance numa concorrida lista com mais de 3 mil nomes. A ideia do espaço veio das amigas Audrey Gelman (ex relações públicas) e Lauren Kassan (do ramo de saúde e bem estar), que se inspiraram nos clubes femininos nova-iorquinos do final do século 19 e começo do século 20. O nome faz referência, entre outras coisas, a uma extensão para a mulher fora de sua casa. Para montar o espaço, elas convidaram as designers Chiara de Rege e Hilary Koyfman – que resumiu muito bem o conceito que criaram:















Fonte: Living Gazette




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...