quarta-feira, 6 de junho de 2018

Um lar para uma escritória

A arquiteta Tânia Eustáquio foi procurada para reformar o apartamento de 135 m² de uma escritora, que precisava contar com ambientes integrados e um espaço de trabalho reservado à moradora. Escritora e psicanalista, a moradora desse apartamento em São Paulo tem uma paixão: sua coleção de livros. Para abriga-los, foram planejadas estantes que se estendem do estar, ao jantar e por fim o escritório. Esse último ambiente é de suma importância no lar, que tem a função dobrada como local de trabalho.













Casa de Valentina

Nenhum comentário:

Postar um comentário